quarta-feira, 29 de junho de 2011

quarta-feira, 22 de junho de 2011

O homem que eu amo.



O homem que eu amo
me abraça com os olhos
toda extensão de minha’lma.
E quando a noite vem
ele se ajeita em meu colo
me diz coisas lindas
como quem canta
um solo...
Mas nada traduz
a paz que em mim
causa...

O homem que eu amo
me faz mulher de verdade
em êxtase de emoção
e felicidade...
Me sorri quando vem
com uma rosa entre os dedos
e o coração nas mãos,
me beija em silêncio
me dá o ar que preciso
e depois me deita...
me levando do chão.

(Sirlei L. Passolongo)

quarta-feira, 15 de junho de 2011

Colo de Deus.



Não há nada de errado em - de vez em quando - chorar e pedir a Deus que nos coloque no colo.

Paulo Coelho

segunda-feira, 13 de junho de 2011

Um gesto de Amor!



Há poema mais bonito que um gesto de amor?
Até os iletrados são capazes dessa literatura.

Padre FabioMelo....

segunda-feira, 6 de junho de 2011